when your life changes in a moment

Um dia era apenas uma rapariga normal no dia seguinte era a rapariga mais feliz do Mundo e tu... Foste e sempre serás a razão disso mesmo! Admito que nunca pensei em vir a gostar de ti como gosto hoje, nunca pensei que algum dia o nosso amor iria tomar conta de mim desta maneira. Tu eras tal e qual os outros, mas havia algo de diferente em ti, o que me fez querer mais e mais de ti. Eras tipo fruto proibído, quanto mais tinha mais queria! Foi essa tua diferença de todos os outros que me fez apaixonar por ti. E a cada dia que passava apercebia-me que tu fazias cada vez mais parte dos meus dias, a cada minuto que passava tu fazias cada vez mais parte de mim. Dia após dia, percebia-me que não eras só o meu presente, mas o meu futuro. Cada momento contigo proporcionava-me uma felicidade imensa, fazia-me tão feliz ali ao teu lado, perto de ti sabendo que mais nada importa somente tu! Era realmente mais que perfeito, mas nem sempre era assim tão perfeito como parecia. As discussões começaram a fazer parte dos nossos dias. Ao princípio pensava eu que era normal, pois em todas as relações há sobressaltos mas desta vez foram longe demais. Mas o mais impressionante disto tudo, é que cada lágrima que deixava cair por ti, parecia que ainda te amava mais. E por mais que possa a vir tentar, eu sei que não te vou conseguir esquecer, pois o tempo ajudou a "sarar as feridas" do passado, mas se algum dia a nossa história terminar e eu não te poder dizer mais que és meu tu não vais deixar só uma ferida.. tu és tipo cancro, não tem cura! E o tempo pode apagar isso tudo, mas vai deixar muitas cicatrizes tuas, pois tu não és um bocado de mim, nem muito, tornaste-te num todo. Tomaste totalmente conta de mim e porque tudo isto me esteja a parecer um deja-vú, pois já avistamos o abismo uma vez, lembra-te que eu TE AMO com todas as minhas forças, e que quando digo que quero que sejas o pai dos meus filhos, quero que também sintas que foste o primeiro a qual te disse isto e digo-te mais até: tu és o penúltimo gajo a quem digo "amo-te" porque o próximo será o nosso filho. Quero-te sempre, babe!

Sem comentários: